terça-feira, junho 30, 2009

Soares no País da Felicidade


Ainda a propósito da confrangedora satisfação para com a vida revelada pela maioria das famílias portuguesas neste estudo, ouvi hoje na Rádio Clube uma análise de Mário Soares que passo a transcrever na íntegra:

«Evidentemente que estamos em crise – como muitos outros. Há muita gente que passa muito mal. Há muito desemprego. Há fo… há até algumas dificuldades em matéria de alimentação e tal. Há pessoas que estão a viver muito mal – abaixo do nível de pobreza. E precisamos de resolver esses problemas. Isso precisamos! Mas, não podemos daí concluir que a maioria dos portugueses são infelizes ou que estão descontentes. Nós temos um clima óptimo. Nós temos um mar fantástico. Nós temos uma História que nos honra a todos. Porque é que havíamos de ser infelizes? Não temos presos políticos. Não temos direitos (1) de opinião. Não somos… ninguém é perseguido. Então o que é que querem (2) mais?» [Mário Soares, Rádio Clube, 30 de Junho de 2009]

(1) Presumo que o ex presidente quisesse dizer, “delito”. Porém, tratando-se de Soares, temos de dar sempre o devido [e enorme] desconto.
(2) Atentem ao delicioso pormenor da utilização da terceira pessoa do plural em detrimento da primeira pessoa do plural

Etiquetas: , ,

Partilhar

2 Comments:

Blogger António Luís said...

Com o devido respeito Soares, que nunca me inspirou a mínima confiança, há muito que não diz nada que se possa aconselhar.
O país dele sempre esteva a milhas do país real...
Soares é mais mito...

terça-feira, junho 30, 2009 11:35:00 da tarde  
Anonymous Nuno said...

Subscrevo as palavras do António Luís e acrescento que a tal "história que nos honra a todos" é uma história que ainda é honrada, porque não a verdadeira sobre o Rei Mário. E vai contar tenho a certeza, mas isso só acontecerá daqui a muitas décadas, porque a história não perdoa e não vai ser a sua Fundação que a vai conseguir reescrever.

Abaixo o Rei Republicano!

domingo, julho 12, 2009 5:01:00 da tarde  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

Voltar à Página Inicial