quarta-feira, fevereiro 06, 2008

Dez post´s sobre Economia (vi)

«NAGG - Escuta-a [a estória] outra vez. (Voz de narrador) Um inglês que precisava urgentemente de umas calças às riscas para as festas de Ano Novo vai ao seu alfaiate, que lhe toma as medidas. (Voz do alfaiate) «Já está, volte dentro de quatro dias, estarão prontas.» Bem. Quatro dias depois. (Voz do alfaiate) «Sorry, volte dentro de oito dias, os fundilhos saíram-me mal.» Bem, realmente é difícil fazer os fundilhos. Oito dias mais tarde. (Voz do alfaiate) «Estou desolado, volte dentro de dez dias, o entrepernas saiu mal.» Bem, está bem, o entrepernas é difícil. Dez dias depois. (Voz de alfaiate) «Lamento, volte dentro de quinze dias, a braguilha saiu mal.» Bem, realmente, é difícil fazer uma boa braguilha. (Pausa. Voz normal) Estou a contar mal. (Pausa. Num tom abatido) Cada vez conto pior esta história. (Pausa. Voz de narrador) Em resumo, entre uma coisa e outra, chegou a Páscoa e saíram-lhe mal as botoeiras. (Voz do cliente) «Goddam, sir, não, realmente acaba por ser indecente! Em seis dias, percebe, seis dias, Deus fez o MUNDO! E você não consegue fazer-me umas calças em três meses!» (Voz do alfaiate, escandalizado) «Mas, milord! Mas, milord! Veja...(gesto depreciativo, com desdém)...o mundo...(Pausa)...e veja bem...(gesto apaixonado, com orgulho)....as minhas CALÇAS!»

Samuel Beckett - Fim de Partida

E é isto, em suma, que acontece ao cumprimento dos prazos na economia portuguesa.

Etiquetas: ,

Partilhar

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

Voltar à Página Inicial