terça-feira, fevereiro 12, 2008

Como foi possível?

Pergunta Matan Ruak, chefe do Estado Maior das Forças Armadas, de Timor Leste, ouso acrescentar outras perguntas:

- Qual o papel da ONU na supervisão de países cuja democracia é débil?
- Qual o enquadramento teórico e político do chefe máximo das forças internacionais "estacionadas" em Timor Leste?
- Qual a razão do comando das forças internacionais pertencer à Austrália?
- Que qualidade na vigilância internacional em Timor Leste se no espaço de uma hora quase se consegue delapidar o governo de uma nação?
- Que tipo de ligações existem entre os membros das Falintil (forças de defesa de Timor Leste) e os elementos de supervisão internacional?
- Que tipo de ligações existem entre os membros das Falintil e os grandes grupos económicos interessados na exploração do petróleo em Timor?
- Quem compõe a Comissão sugerida por Matan Ruak e que tipo de interesses defendem os seus elementos?

É que assim talvez consiga compreender melhor o que se passa, até lá a música é demasiado afinada e os meus ouvidos habituaram-se, irremediavelmente, à música popular.


Etiquetas:

Partilhar

3 Comments:

Blogger Margarida V said...

está lindissimo.

quarta-feira, fevereiro 13, 2008 12:32:00 da manhã  
Blogger cristina said...

Gostei muito da apresentação de palco!

quarta-feira, fevereiro 13, 2008 12:34:00 da manhã  
Blogger NancyB said...

Margarida e Cristina,
O Béjart é genial. Já vi um espectáculo dele ao vivo "Barbara et Brel" (?), fenomenal.
Recomendo-te vivamente Cristina.

quarta-feira, fevereiro 13, 2008 9:49:00 da manhã  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

Voltar à Página Inicial